5 de mai de 2010

Um pouco de história


Que as ombreiras dos anos 80 estão com tudo para o inverno 2010, qualquer mulher antenada já sabe. Agora vocês sabem qual foi o intuito de criá-las?
Para responder essa pergunta é necessário retroceder algumas décadas. A historiadora francesa Anne-Marie Sohn, mostra em alguns de seus trabalhos, como a entrada da mulher no mercado de trabalho alavancada pela 2ª Guerra Mundial iniciando toda uma transformação no seio da sociedade. A maior liberdade econômica feminina adquirida com seu trabalho, e posteriormente a invenção da pílula anti-concepcional, garantem a mulher do séc. XX a sua liberdade sexual. Provocando uma verdadeira revolução comportamental e nos valores morais. (mas isso rende história para um outro post)
Entretanto, apesar de conquistas significativas das mulheres, ainda havia (e há) muito a ser alcançado em termos de igualdade entre gêneros. Na década de 80, as mulheres não queriam apenas seu espaço no mercado de trabalho, surgiam agora frente a cargos de comando. Buscaram então, uma masculinização de sua imagem, ombros bem marcados, cabelos bem curtinhos, calças de cortes retos. Assim a vedete do momento surgiu com o desejo de diminuir as barreiras entre homens e mulheres.
 Particularmente, não devo aderir essa tendência, por que tudo que entra muito em voga deve ser sempre quetionado se tem algo a ver com a sua personalidade, se você se vestirá como forma de expressão, ou apenas manifestará um comportamento de ovelha.
Eu já tenho um QUÊ de travesti, seu usar ombreiras então vai ter gente me chamando de Mário e não de Mayara.
 Para quem gostou, e acha que tem a ver com a sua personalidade, os meninos (hilários) do Não me Gonga deram dicas preciosas para usar as ombreiras aqui.

6 comentários:

  1. Menina, adorei o post!! Concordo com você, não dá pra sair por aí usando algo só porque tá todo mundo usando. Pra mim, moda é mais do que comportamento, é também, questionamento! Moda também tá totalmente ligada ao bom senso, não dá pra todo mundo sair por aí a lá anos 80. Tem biotipos que não são favorecidos com essa onde, né?
    Beijo grande e ótimo dia,
    Nina.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post! Eu particularmente AMO ombreiras! Tenho um casaquinho tipo os da penúltima foto! Ah, quanto a blusinha da Carol Kuchkarian, ela é mescla sim! Geeente é uma delícia de usar! O toque do conjunto é perfeito! Beijosss

    ResponderExcluir
  3. adooorei, eu seeempre gostei de ombreiras desde pequenaaaa!
    super legal o post!
    beijos

    donnaurbanna.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post.
    Nestas coisas de moda eu já não discuto mais,uso e pronto. Qdo a gente diz que não vai usar, quer dizer que não vai usar tão já, mas qdo todo mundo estiver usando e não tiver outro modelo de roupa para comprar, vai comprar e usar. O que eu faço é adaptar ao meu estilo, ao meu tipo físico e até a minha idade.
    Bjkas

    ResponderExcluir
  5. Cara, até que uns detalhes no ombro eu encaro, mas ombreiras? ODEIO.
    bjokas

    ResponderExcluir
  6. Ombrosmarcados eu gosto, mas ombreiras mesmo, aquelas da Vovó... Hum... Acho q não!!
    Adorei o post, principalmente as ilustrações.

    Sabe q não sei qual é o meu time? Torço pra agradar painho e maridón. hehehe
    Bjs

    ResponderExcluir